top of page

Como obter absorventes gratuitos pelo programa Farmácia Popular?


Absorventes íntimos serão disponibilizados pelo programa Farmácia Popular do Brasil (PFPB) em unidades farmacêuticas credenciadas.


A iniciativa é decorrente das ações do Programa de Proteção e Promoção da Saúde e Dignidade Menstrual já executadas pelo Governo Federal em 2023.


Além disso, o programa inclui estratégias de qualificação técnica de agentes públicos, abordando temas como a primeira menstruação, prevenção de infecções, doenças e combate à estigmatização.


O público-alvo do programa abrange 24 milhões de pessoas entre 10 e 49 anos em todas as regiões do País.


REQUISITOS:

Podem receber gratuitamente absorventes:


  • brasileiras ou estrangeiras que residam no Brasil, com idade entre 10 e 49 anos,

  • pessoas inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), com renda familiar mensal de até R$ 218 por pessoa.

  • estudantes matriculadas em instituições públicas inseridas no CadÚnico e com renda familiar per capta mensal igual a R$ 706.

  • para a população em situação de rua não há limite de renda.


PROCEDIMENTO:

Para retirar o absorvente, é preciso ir a uma unidade credenciada do Farmácia Popular portando um documento de identificação oficial com número do CPF e uma Autorização do Programa Dignidade Menstrual, obtida pelo aplicativo ou site MEU SUS DIGITAL - nova versão do aplicativo Conecte SUS – com validade de 180 dias.


O benefício também pode ser adquirido em Unidades Básicas de Saúde (UBS), onde agentes de saúde vão auxiliar na emissão da autorização.


Pessoas em situação de rua também podem procurar por Centros de Referência da Assistência Social – Cras e Creas, Centros POP, centros de acolhimento e equipes de Consultório na Rua.


A aquisição de absorventes para menores de 16 anos deve ser feita pelo responsável legal.  


MAIORES INFORMAÇÕES:

As orientações também estão disponíveis no Disque Saúde 136. 


PROGRAMA DE COMBATE À POBREZA MENSTRUAL DO INSTITUTO ELOS INVISÍVEIS  

É uma vitória a disponibilização de absorventes pelo programa Farmácia Popular do Brasil (PFPB) em unidades farmacêuticas credenciadas, mas a luta por dignidade menstrual continua e o Programa de Combate à Pobreza Menstrual desenvolvido pelo Instituto Elos Invisíveis não se encerra por aqui.


Isso porque, como visto, apenas uma parcela da população em situação de vulnerabilidade social será beneficiada com a distribuição gratuita de absorventes e porque a nossa luta é para que essas pessoas tenham acesso, não só a itens de higiene, mas também à água encanada, esgoto e acesso à informações adequadas sobre a saúde reprodutiva e ciclo menstrual.


O programa de combate à pobreza menstrual, desenvolvido em conjunto com o de combate à violência doméstica beneficiou 2.650 mulheres somente em 2023.



Confira o relatório completo:



12 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page